Mas o mundo é mesmo um lugar maravilhoso, né crianças?  Assim, tudo começa com um elefantinho de comportamento… digamos… bom, tirem suas próprias conclusões:

pinkele

“O elefante africano de dez anos, Ninio, teve de trocar de zoológico três vezes nos últimos cinco anos por causa do comportamento agressivo com as fêmeas de sua espécie, incluindo empurrá-las na água”, informou a Russian News & Information Agency

Aí, um vereador de um desses partidos nazistas de direita (chamado “Lei e Justiça”) ficou muito puto porque o zoológico da cidade de Polzan, Polônia, comprou o tal elefante. Disse Michal Grzes – de novo, tirem suas próprias consluões: “Não pagamos 37 milhões de zlots (11 milhões de dólares) para que a maior casa de elefantes da Europa tenha um elefante gay vivendo lá”. E ainda: “”Nós deveríamos ter uma manada, mas já que Ninio prefere amigos machos a fêmeas, como produzirá uma descendência?”. Observem agora a foto do vereador:

grzers1Qualquer semelhança com um elefante rosa é mera coincidência

Em tempo: o diretor do zoológico disse que o elefante tem apenas 10 anos e atingirá a maturidade sexual aos 14. Quer dizer, gay ou não, ele só vai poder se reproduzir daqui 4 anos.

É a eterna mania do povo de querer mexer no que é natural, já viu? Aquecimento global tá aí pra provar que isso não dá certo. Ah, esqueci. Pra esse pessoal, desmatamento, homosexualidade, aquecimento global… tudo dá na mesma.

Anúncios